Exterminador do Futuro – Destino Sombrio
Compartilhar no WhatsApp

Exterminador do Futuro – Destino Sombrio

Colunas, Notícia

Exterminador do Futuro – Destino Sombrio (Para o Futuro da Franquia)

Eis que surge do além, mais uma empreitada das famigeradas franquias de filmes de ação, com o pretexto nostálgico de resgatar memórias afetivas de fãs saudosistas, Exterminador do Futuro foi um marco na história, um divisor de águas nos filmes de sci-fi de ação e suspense, com boas doses de tensão, temor de um futuro tecnológico e de uma possível dominação pelas máquinas, mas aquilo que nos fez fãs incondicionais dessas histórias, volta agora com mais um capítulo da história que de fato não cabe na vida dos fãs.

Dirigido por Tim Miler (Deadpool) e com a benção de James Cameron (Avatar / Titanic) criador da franquia, o filme se apresenta como a continuação dos eventos de Exterminador do Futuro 2, e quando Cameron pediu aos fãs que desconsiderassem os filmes anteriormente feitos, Exterminador 3, A Salvação e Gênesis (bem confusos por sinal) a ansiedade dos fãs foi a pico, já que além da sugestão, ele ainda anunciou que Sarah Connor (Linda Hamilton) estava de volta a história, além é claro de Shwarzenegger como o velho e bom T-800, tudo parecia perfeito, não havia como um filme desses dar errado, e lá fomos nós alegres e empolgados para o cinema, mas ao final da sessão a sensação foi a decepção total.

A aposta do diretor e dos roteiristas foi a de dar um novo rumo na luta entre humanos e as máquinas, tirando de cena um personagem central da história John Connor (Edward Furlong) que ainda era só um garoto no segundo filme, a história sempre fez menção ao nome, porém sem Furlong no papel, já que o rapaz se enveredou por caminhos complicados na vida, mas o fato é que no imaginário dos fãs, Connor era a peça chave da resistência contra a dominação tecnológica, mas o diretor resolveu agora descartar de vez o personagem da história de forma rápida e direta, o que já deixou os fãs aterrorizados nos cinco primeiros minutos do filme.

Figurinha Repetida Não Completa Álbum

Exterminador do Futuro – Destino Sombrio

Mas o que vem a seguir é uma compilação de fatos e situações que repetem a mesma premissa de sempre, com algumas variações do gênero e nacionalidade (se é que vocês me entendem) não que isso seja um problema claro, mas tudo está ali, a chegada dos robôs em nosso presente, um deles para exterminar, outro para proteger, e no meio do caminho Sarah Connor, sedenta por vingança e justiça, na prática o filme entrega a mesma história de sempre, com algumas variações pra distrair o público. Pouca coisa muda no contexto, o roteiro é relapso e abusa dos clichês, e limita muito o destaque de cada um dos personagens, já que essa nova história não tem apenas um, mas três protagonistas.

A Hora Das Mulheres É Agora

Exterminador do Futuro – Destino Sombrio

Semelhante ao que muitas franquias tem apostado, o diretor também pegou carona do “girl power” e resolveu tornar a força feminina um fator decisivo na história, e a narrativa não se conteve em apenas dar o protagonismo às mulheres, mas também estende a ideia de uma masculinidade menos tradicional, já que agora nosso T-800 foi reprogramado para realizar algumas tarefas domésticas bem incomuns para brutamontes musculosos (perdão pelo spoiler) os mais conservadores não assimilaram bem a ideia, mas fugindo das polêmicas o filme também tem seus pontos fortes. As cenas de ação são bem dirigidas, perseguições, tiroteios, explosões Tim Miller demonstra muita competência e segurança, não fosse pela falta da sensação de medo que o vilão causa, talvez o clímax fosse mais empolgante.

Exterminador do Futuro infelizmente entra para o roll das franquias que definitivamente deveriam ser deixadas em paz, preservadas e reverenciadas pela importância que exprimem na cultura pop, e por mais que muitas pessoas tenham enxergado potencial nessa sequência, sua relevância é pífia, e macula a memória de quem cresceu e viram essas histórias se tornarem clássicas, muito embora a indústria não dê muita bola para o que os fãs mais apaixonados pensem, ficamos com aquela sensação de que muita coisa inesperada e indesejada ainda está por vir, mesmo que ninguém peça, o interesse sempre será fazer com que desembolsemos nossos trocados pra ver o que na certa irá nos frustrar.

 

Por Ricardo França

 

 


Saiba Mais – Exterminador do Futuro – Destino Sombrio

  • Veja mais informações do filme Exterminador do Futuro – Destino Sombrio. Clique aqui!

 

 


Faça parte de nossas redes sociais!

Instagram: https://www.instagram.com/cinegoiania/
Facebook: https://www.facebook.com/cinegoiania/
Twitter: https://twitter.com/cinegoiania/
Youtube: https://www.youtube.com/ch…tWiykFA

 









Gostou deste conteúdo?


Preencha seu Nome e E-mail abaixo para receber mais novidades do site

 




 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *